Veja também Ânsia de Perplexidade em:
http://naiane-julie.blogspot.com.br/

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Coração de criança

Eu sempre vou esperar por você
Assim como hoje eu espero
pelo nosso dia.
Um dia desses de Sol
em que eu siga seus passos
e você siga os meus
numa espécie de dança infinita
sem espectadores

Eu espero por você.
O amor também é espera
nosso dia chegará rápido
e será igual a tantos outros
exceto pelas folhas das árvores
e pelo Sol
e pelo nosso sorriso
de convicção

Eu sempre vou esperar por você
mesmo quando achar que meu amor já é seu
a espera será a marca registrada do nosso propósito
que nunca acabará

Espero todos os dias
o próximo passo da dança
o próximo encontro da alma
o poema de criança
porque eu sei que as crianças esperam

e meu coração é de criança...

domingo, 29 de abril de 2012

Translúcido

google imagens

Sonho contigo todos os dias
E com um amor único e translúcido
com as suas veias e mãos
dedos e unhas
e com a ideia do toque e do momento
suavidade e ternura

Eu sonho com 'uma noite de verão',
com nossos passos pelas folhas secas
sob a luz fraca do pôr- do-Sol
discreta entre as árvores
Em qualquer lugar
com você
estarei em paz

Sonho com seu cabelo
com sua pele humana demais
e com as fronteiras
da sua alma
que ainda quero atravessar

É como os sentidos se comportam
que torna tudo além do limite
e translúcido
como se eu nunca fosse descobrir ao todo
e ainda assim
já soubesse de tudo...

que preciso.



domingo, 18 de março de 2012

Ventania

google imagens
     

      O vento lá fora hoje, parece louco. Quer entrar pela minha porta e invadir a casa toda. Quer conversar comigo e me contar de novo o que me comove, envolve, fascina.
      Temo dizer que é bem isso que me inspira, abrir o peito, para a inquisição. O meu pecado pode ser facilmente lido...
       Amar você é quase um tormento. O amor me comove, me envolve, me leva pelos ventos. Confesso que é um tormento. Mas que outro amor eu poderia desejar? Quero mante-lo arraigado no meu peito, tanto, que a natureza não permite. Nos fez assim: toda alegria extrema beira os limites da tensão..
         Aceito então! Abro a janela, abro as portas, que entre o ar!
         Seu amor é meu alento...
         Quero ser levada pelo vento.


Naiane Julie
Verão 2012

sábado, 21 de janeiro de 2012

Enquanto houver Janeiro

google imagens

Quero viver no tempo mas todo mês é Janeiro, depois de um janeiro em que tudo -absolutamente- mudou. Quero a espiral do tempo mudando meu rumo, fazendo contornos, vibrando à luz do crepúsculo e diante da vida, mas toda cor que brilha é a cor de Janeiro, brilha do mesmo jeito que começou nosso desejo indeterminado...agora definido.
Brilha como esse símbolo que deixamos em nossas mãos, brilha como meus olhos quando falo dos nossos sonhos compartilhados e do nosso propósito em partes consagrado.
Você brilha pra mim na multidão, ensina-me o quanto fui favorecida e o quanto há coisas que 'valem a pena e o preço terrestre'¹.
'O preço terrestre'...
Eu inspiro conforto quando você está por perto.
Alma quieta e branda, só você tem a quietude que me ilumina.
De tão irremediável eu digo: Sim! De tão sublime, inexcedível...
Todo mês é Janeiro... e eu te amo todo dia.

Naiane Julie


1) Drummond.